Entenda a gestão de processos em 3 etapas

FluxoCada vez mais, precisamos buscar meios de gerenciar projetos, equipes e empresas, em uma velocidade cada vez maior e com um grau de complexidade sempre crescente.

Isto ocorre por que o mercado está em constante evolução, e cada vez mais dinâmico. Some-se a isto a queda da barreira geográfica, o trabalho remoto, áreas que não se conhecem, mas se complementam, e claro a falta de disseminação do conhecimento.

Pronto, este é o cenário atual.

Mas como podemos acompanhar isto sem sermos engolidos pela correria do dia a dia, e utilizando as informações que temos para agregar valor ao que fazemos?

A resposta para esta pergunta, passa invariavelmente pela gestão dos processos de negócio.

Mas antes de caminhar nesta direção, precisamos entender 3 pontos importantes. São eles:

1: O que significa gestão por processos de negócio?

Resumidamente, gestão de processos de negócio, ou em inglês Business Process Management, é uma visão que une gestão de negócios com o uso de soluções de tecnologia, visando maximizar os resultados da companhia, através da evolução contínua dos seus processos de negócio.

2: Qualquer empresa pode fazer gestão por processos?

Sim, os processos de negócio estão por toda parte dentro de uma empresa, não importa o tamanho da empresa, pois cada empresa é um grande agrupador de processos.

Estes processos nada mais são, do que conjuntos de atividades que possuem relação entre si, e que na maioria das vezes, envolvem mais de uma área.

Vamos pensar como seria o processo de solicitação de férias da empresa XPTO:

  1.             O funcionário solicita férias para o seu gestor imediato.
  2.             O gestor imediato recebe a solicitação
  3.                         Avalia as atividades planejadas para o funcionário
  4.                         Avalia políticas da empresa para conceder as férias
  5.                                     E tenta negociar nova data com o funcionário
  6.                                     Ou encaminha para a área de RH
  7.             O RH recebe a solicitação de férias
  8.                            Realiza o agendamento de férias
  9.                            E encaminha para o financeiro
  10.             O financeiro recebe a solicitação, faz o provisionamento
  11.                            E sinaliza para o gestor que o agendamento foi realizado.
  12.             O gestor retorna para o funcionário que as férias foram agendadas.
  13.             O funcionário toma conhecimento da aprovação de férias.

Se formos analisar, as empresas por menor que sejam, possuem em maior ou menor grau de similaridade, um processo como este que foi descrito.

Ainda analisando o fluxo de atividades, podemos identificar que diferentes áreas estão envolvidas, e que o fluxo de atividades ultrapassa a barreira de cada uma destas áreas, para que o processo seja completado.

3: E o que isto agrega no dia a dia?

Conhecendo os processos, conseguimos identificar gargalos e pontos de falha, e isto nos permite evoluir e otimizar o processo constantemente.

Além disto, ao termos o processo definido, cada área sabe exatamente qual papel, pois temos uma definição clara de responsabilidades.

Estas definições facilitam a gestão, e garantem que os passos necessários serão seguidos de maneira uniforme por todos os envolvidos.

Marcelo CastroMarcelo Castro
Diretor Executivo – react
marcelo.castroΘreact.com.br

Se você gostou, deixe seu comentário e compartilhe nas redes sociais.